Como fazer a simulação de financiamento imobiliário nos bancos?

Agora que você já escolheu seu imóvel dos sonhos, no qual vai passar anos, já pensou em como pagar por este bem? Saiba que vários bancos oferecem opções de financiamento para realizar o sonho da casa própria. Veja neste artigo sugestões de simulações de financiamento imobiliário nos principais bancos no país.

Primeiro: providencie os documentos da casa e os seus

Antes de fechar negócio e correr atrás do dinheiro, os futuros proprietários precisam reunir documentos que comprovem sua capacidade de pagamento da dívida que será contraída. Cada banco tem uma exigência específica, como identidade, CPF, carteira de trabalho e extratos bancários ou contra cheque para comprovação de renda.

Simulação de financiamento imobiliário na Caixa Econômica

Você sabe como simular seu financiamento na Caixa Econômica? Antes de ir ao banco conversar com o gerente, é possível fazer em casa uma pesquisa no site que mostra quanto custa seu sonho da casa própria. Depois de inserir seus dados pessoais e o perfil do imóvel, como valor e tempo de financiamento desejado, o usuário é direcionado para uma página com duas opções – para quem já tem conta na caixa e quem não quer estabelecer esse relacionamento. É possível ainda optar por utilizar o saldo do FGTS no pagamento do imóvel.

Simulação de financiamento imobiliário no Banco do Brasil

O Banco do Brasil pode não ser a primeira referência de banco público na hora de pensar em Financiamento Imobiliário, mas ele oferece os mesmos programas que a Caixa Econômica. Para simular esse financiamento, é preciso acessar a página específica no site do banco e responder as seguintes questões: que tipo de imóvel será financiado (comercial ou residencial), se o imóvel é novo ou usado e se o empreendimento em questão foi financiado pelo Banco do Brasil em suas obras. Em seguida, o site pede informações sobre a cidade e estado em que está localizado o imóvel, se o comprador já possui imóvel na mesma cidade e o valor do imóvel pretendido. O segundo passo da simulação cobre os dados pessoais dos compradores, incluindo CPF, data de nascimento, se possui conta no FGTS ativa ou com saldo que represente 10% do valor do imóvel, renda bruta familiar e se o financiamento será compartilhado com outros. Em seguida ele pergunta qual o valor a ser financiado e em quantos meses desejam pagar. O site não indica o prazo para retorno do banco com uma proposta.

Simulação de financiamento imobiliário no Itaú

No Itaú, é possível fazer a simulação do financiamento imobiliário através do site do banco. O candidato a proprietário precisa colocar dados pessoais como renda, data de nascimento, se deseja dividir a compra da casa com alguém, além dos custos do imóvel e qual sistema de amortização será utilizado. O banco garante retorno sobre a proposta em até uma hora, se o imóvel desejado custar menos de R$ 800 mil.

Simulação de financiamento imobiliário no Bradesco

No site do Bradesco, a página de simulação inicia o processo pedindo que o comprador indique seu estado de residência. O site apresenta três opções de financiamento – Residencial até R$ 950 mil, Residencial de R$ 950 mil a R$ 5 milhões e Comercial.  Em seguida, você precisa indicar as seguintes informações sobre você: se você somará a renda com seu cônjuge para o financiamento, a data de nascimento dos dois compradores. O sistema pede que você indique a forma de simular o financiamento imobiliário: a partir do valor do financiamento, da renda, da prestação ou do prazo, que neste banco vai até 120 meses (30 anos) para quitar os débitos. Escolhida forma de simulação, o site questiona se débitos como o registro do terreno e o ITBI. Ao final, você indica o Sistema de amortização do débito, entre as tabelas Price e SAC, e envia as respostas. De acordo com o site,  a resposta chega em uma hora por email, e você ainda pode usar parte de seu FGTS. Essa simulação está disponível no site do banco. Agora que você já viu como os principais bancos brasileiros fazem a simulação de financiamento imobiliário, participe do debate, curtindo nossa página da Metropolis no Facebook e debatendo  outras questões ligadas ao financiamento econômico.

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.